Avião turco que decolou de Ribeirão Preto na manhã de hoje foi preso pela Polícia Federal

Na manhã de hoje a Polícia Federal realizou a apreensão de um avião Gulfstram Aerospace G-IV (MSN 1043) com prefixo TC-GVA de origem turca, que estava sendo utilizado para transportar 1.304 quilos de cocaína, nesta operação da PF foram presos um passageiro espanhol e quatro turcos membros da tripulação.

A droga foi encontrada em 24 malas com 50 tabletes em cada, além do entorpecente foram apreendidos celulares e documentos. Segundo informações recebidas por nossa equipe o avião decolou do Aeroporto Leite Lopes em Ribeirão Preto-SP e teria como destino Lisboa em Portugal e Bruxelas na Bélgica.

Inicialmente a aeronave decolou de Málaga na Espanha, realizou pouso para escala técnica em Fortaleza-CE e logo após decolou para Ribeirão Preto-SP onde foi carregado. 

Imagem: GC Map

Dados do aplicativo Radar Box o avião decolou de Málaga com destino a Fortaleza-CE no dia 02/08, mas a rota entre Fortaleza e Ribeirão Preto não foi registrada pelo aplicativo o que da a entender que a aeronave pode ter voado oculta ou o aplicativo não conseguiu rastrear a mesma no dia de ontem 03/08, retomando o rastreio no dia de hoje onde consta a rota Fortaleza- Lisboa e que depois partiria para Bruxelas. O Gulfstream já vinha sendo monitorado pela Polícia há algumas semanas.

Imagem: Radar Box

Os dados abaixo representa a decolagem na madrugada de hoje da aeronave a partir do Aeroporto Leite Lopes em Ribeirão Preto-SP.

Imagem: Fligth Radar 24

Abaixo imagem da aeronave em um dos hangares do Aeroporto Leite Lopes no dia de ontem 03/08

Imagem: Recebida via whats app

Uma das câmeras de segurança flagrou o avião decolando de Ribeirão conforme podemos observar em um vídeo divulgado pela EPTV Ribeirão.Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal PILOTO RIBEIRÃO no youtube, nosso perfil no Instagram, faça parte de nosso telegram e conheça também nossa revista digital.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.