LABACE 2022 – Textron Aviation apresenta sete aeronaves e lançamento

A Textron Aviation, fabricante de jatos executivos, estará na LABACE 2022, maior evento de aviação de negócios da América Latina, que ocorre de 9 a 11 de agosto, no Aeroporto de Congonhas –  Rua Tamoios, 685 – Jardim Aeroporto, São Paulo – Brasil.

A empresa vai apresentar sete aeronaves, incluindo um lançamento, a Beechcraft King Air 360, atualização de uma das aeronaves mais icônicas, e o Cessna Citation Latitude, jato executivo de médio porte mais vendido no mundo nos últimos três anos. 


Aeronaves que estarão expostas:

  • Cessna Citation Latitude – Jato executivo de médio porte mais vendido no mundo nos últimos três anos. Oferece um piso amplo e plano com uma cabine de 6 pés a um preço de médio porte. Juntamente com um alcance para levá-lo a 2.700 nm, é possível voar sem escalas de Los Angeles para Nova York ou de Genebra para Dubai. O jato Citation Latitude é a primeira aeronave em sua classe a elevar o nível de conforto enquanto mantém seus passageiros conectados. 
  • Cessna Citation M2 (clássico) – Fornece ao mercado de jatos leves todas as comodidades e capacidades de voo necessárias para aqueles que viajam em grupos menores, mantendo-se ao mesmo tempo econômico e competitivo para os jatos dessa linha. O Cessna Citation M2 é capaz de transportar 6 passageiros e 2 membros da tripulação. A fuselagem da aeronave tem pouco mais de 40 pés de comprimento e tem uma cabine com pouco mais de 10 pés. Embora, como um jato leve, tenha uma cabine menor, os assentos têm a capacidade de se deslocar lateralmente, o que permite que os passageiros mais altos tenham mais conforto.
  • Cessna Citation CJ3+ – Oferece confiabilidade superior e incomparável sem sacrificar a produtividade e o conforto. É a combinação perfeita de alcance, velocidade e economia operacional, fornecendo a melhor capacidade em aeroportos altos e quentes, enquanto se beneficia de intervalos de manutenção mais longos. O Cessna Citation CJ3+ tem a capacidade para até nove passageiros e 1.000 libras de capacidade de bagagem. Um banheiro com cinto e TCAS II vêm em todas as aeronaves, juntamente com opções para recursos de telefone e internet na cabine. Com a potência da cabine de comando atualizada pela aviônica GARMIN G3000, a operação deste jato certificado de piloto único é tão intuitiva e alimenta a paixão pelo voo em pilotos e passageiros. 
  • Beechcraft King Air 360 (lançamento) – Projetada para conforto e construída para aventura, representa a mais recente atualização de uma das aeronaves mais icônicas do céu. Recursos e benefícios adicionais incluem um sistema de pressurização digital aprimorado, atualizações do sistema de manutenção a bordo, um sistema de aceleração automática de regime completo e seis novos esquemas de interior. O mais notável é uma altitude de cabine mais baixa resultante de uma pressão de cabine mais alta. O modelo também apresenta sugestões de design contemporâneo encontradas em SUVs de luxo, além de armários remodelados, paredes laterais reesculpidas com iluminação pinhole, design atualizado dos assentos, porta-copos iluminados e ajustadores de ar/luz de baixo perfil.
  • Grand Caravan EX – Projetado para missões desafiadoras, altas cargas úteis e pistas curtas e irregulares, proporcionando economia e simplicidade de motor único. A aeronave transporta até 14 ocupantes com maior velocidade e capacidade de subida, além de um rolamento de decolagem de apenas 1.399 pés. Seu potente motor Pratt & Whitney Canada oferece 867 cavalos de potência para desempenho confiável de carga útil e eficiência superior.
  • Cessna 195 (clássico) – Fabricado em 1950, clássico da aviação geral no pós-Segunda Guerra Mundial, que trouxe para os modelos em pistão conforto e luxo de uma aeronave executiva. Após 11 anos abandonado no aeroporto localizado em Cuiabá, o Cessna 195 foi adquirido por João Amaro em um leilão da cidade, sendo assim restaurado pelo comandante Rolim e, anos depois, inspirou a criação do museu Asas de um Sonho.
  • Cessna 180F (clássico) – O modelo de 1963 fez enorme sucesso no Brasil e foi muito utilizado em fazendas e em garimpos, onde as pistas não eram pavimentadas. Sua produção foi encerrada em 1985, mas até hoje é comum vê-lo operando em diversas atividades. Esse modelo foi doado pelo comandante Peri Igel e é igual à aeronave utilizada pelo comandante Rolim e por João Amaro no início de suas carreiras.

Fonte: Assessoria de imprensa da Textron

Foto: Beechcraft

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal PILOTO RIBEIRÃO no youtube, nosso perfil no Instagram , faça parte de nosso telegram  e conheça também nossa revista digital.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.